Es sieht so aus, als ob Sie aus sind, Möchten Sie zur Website wechseln?

Número de emergência
Contacto
Downloads
Telematics
Image

“Aquele que conduz os outros num fosso...”

Companheiro de viagem | 04.11.2021

… deve ser um verdadeiro profissional ao volante de um camião. Como Harry Schmidt. Este setembro, o condutor profissional de 60 anos de idade da empresa de transportes TSB, com sede em Gundelfingen, demonstrou todas as suas capacidades de condução para a Kögel – e dominou perfeitamente o transporte pesado de um fosso de ensaio sobredimensionado para as novas instalações de produção SKD nas instalações de Burtenbach.

A Kögel está a construir instalações de produção chamadas SKD (Semi-Knocked-Down - parcialmente desmontado), incluindo uma oficina nas instalações de Burtenbach. No futuro, os kits de reboque serão aí fabricados e embalados para mercados em toda a Europa. Para a construção da fábrica foram também encomendados à empresa Balzer dois sistemas modernos de fosso – um fosso de montagem e um fosso de ensaio. A empresa de Memmingen especializou-se no desenvolvimento e produção de tais sistemas, que são entregues aos clientes prontos a usar e com todas as ligações necessárias.

Ao transportar os enormes fossos, a experiência é então exigida acima de tudo. Isto é o que a equipa da empresa de transportes TSB - Transport-Service-Beitinger de Gundelfingen an der Donau representa. A entrega do fosso de montagem no local de construção em Burtenbach foi feita com tranquilidade. Pois devido à sua inteligente, o componente cabe num semirreboque normal.

Harry e “Diddy” – uma equipa para qualquer transporte


No entanto, a viagem com o fosso de ensaio foi muito mais difícil. Afinal de contas, com as suas saliências laterais, tem uma largura impressionante de quatro metros. O camião articulado carregado e pronto a andar chegou, assim, a um comprimento de 20,5 metros com uma largura de 4,1 metros e uma altura de quatro metros. Só o peso de carga de doze toneladas não foi um grande desafio para o trator Volvo de 500 cv de carga pesada.

Os conhecimentos de um profissional eram, portanto, necessários para transportar com segurança a carga sobredimensionada e volumosa. Alguém como Harry Schmidt, ele é o homem certo para o trabalho. Afinal, o homem de 60 anos está sentado no camião há quatro décadas – e juntamente com Detlef “Diddy” Schmidt no veículo de escolta, ele forma uma equipa bem ensaiada – como foi precisamente o caso ao transportar o fosso de ensaio da fábrica em Warthausen perto de Biberach an der Riß para a sede da Kögel em Burtenbach.

100 quilómetros de transporte pesado em 90 minutos


Harry no camião e “Diddy” no veículo de apoio percorreram os quase 100 quilómetros desde o norte da Alta Suábia até ao distrito de Günzburg, na sua maioria sozinhos. Apenas na primeira parte dos percursos desde a fábrica até à estrada de ligação à B30 e no troço final – do nó Burgau na A8 até Burtenbach – o transporte foi acompanhado pela polícia por razões de segurança.

Após uma viagem de cerca de uma hora e meia, os dois entregaram a sua carga invulgar no local de Kögel em Burtenbach – de forma segura, precisa e calma, tal como fazem dois profissionais de transporte de longa data. E em Burtenbach, a nova montagem e oficina pode começar a funcionar em breve.

Foi assim que o fosso de teste foi transportado

Outros artigos interessantes

Image

Pacote de cuidados | 04.11.2021

Em segurança até ao fim de um congestionamento – a Kögel está empenhada na iniciativa “Bem desperto a 80 km/h”

continue lendo